Correlações: 4 artistas britânicos

...

Cor

Forma

Repetição

Sobreposição

Composição

A linguagem da impressão é exercitada sob diversas possibilidades nas mãos desses artistas incríveis.  Valores que discutem a repetição e sobreposição de formas, saturação da cor além de composição de imagens,  são evidenciados nas series dessas prints inéditas. Desses encontros de objetivos, surgem as correlações na produção das gravuras desses 4 artistas britânicos.

Construídas a partir de placas únicas onde são destacadas silhuetas de blocos arquitetônicos, impressos uns sobre o outros, Gormley consegue um apanhado de imagens fabulosas em Matrix, série de 10 aquatintas.

Ainda sobre blocos de madeira, Damien Hirst propõe mais uma vez a repetição de spots nessa serie de woodcuts.  Embora as formas circulares se acumulem no suporte, aqui é a cor,  objeto de destaque que compõe e formata a imagem.

E finalmente, ao despejar tinta sistemática e objetivamente em suas pinturas, Ian Davenport distribui sobre a superfície camadas e fileiras de cores justapostas as quais, trazem ao expectador cortinas de nuances infinitas. Também em suas gravuras esse processo é destacado.

Desse agrupamento de cor, forma, repetição, sobreposição e composição se efetiva a Mostra “Correlações: 4 artistas britânicos”.

 

Na ArtEEdições Galeria de 10 a 31 de março de 2017.